• 0 votos - 0 média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Experiências & dicas que as pessoas não falam
#4
Gênero Flúido
eu descobri ser gênero flúido faz uns sete ou seis anos, acho. olhando pra trás, eu percebi que o primeiro gênero que senti foi cavaleiro (por causa de Cavaleiros do Zodíaco), aos 4 anos.

- Você não precisa saber o tempo todo que gênero você é. Você pode tomar um aspecto de just vibing e relaxar também, é mais uma situação de ver que linguagem te deixa confortável (por vezes, eu já tive disforia surpresa porque o gênero mudou poucos minutos desde que eu tinha notado qual era). Se checar seu gênero te deixa estressade, então você não precisa checar.

- Você não precisa ter poucos gêneros fluindo ou se manter somente em gêneros aceitáveis, como aquele GIF famoso de rosa/azul/roxo. Se estie for você, tranquilo, mas você não é gênero flúido ruim por isso. Eu tenho 17 gêneros diferentes "rodando", fora autigênero, e incluindo xenogêneros. Se isso te deixar feliz e você não estiver atacando alguém por isso, por que não? Por sinal, você também não precisa ter vários gêneros "rodando"! E também não precisa dar etiquetas a todos os gêneros que aparecem. Eu faço porque gosto de categorizar. Você faz o que quiser com seus gêneros. É tranquilo! nwn

- Você também não precisa se preocupar de trocar de roupa de acordo com o gênero. Expressão estética é um campo de exploração, de se divertir e/ou sentir-se comfortável, e de expressar o que você quiser expressar. Mas se isso se torna estresse, e tem esse conceito que gênero-flúido significa passar como ambos gêneros binários que é algo por vezes difícil de alcançar, então não é ruim de sua parte simplesmente não fazer isso. Você não tem a obrigação de nada fora entender como ser respeitoso para sues irmanes de comunidade.

- Principalmente em comunidades inglesas, estrelagênero/gênero-estrela é visto como piada. Isso não te faz uma piada. Admitir este gênero para mim me permitiu estender a mão para algumas pessoas com esse gênero que por vezes recebia comentários maldosos. Qualquer outro gênero que é tratado como inválido e piada, você pode tê-lo e isso não será uma piada, você não será uma piada. Você não está causando transfobia por ser gênero-estrela. Acredite em senpai aqui. Transfobia não é causado porque pessoas são trans.

- Você não precisa obrigatoriamente namorar pessoas multi por isso. Se você se sente à vontade e quiser namorar uma pessoa gay ou hétero, e se eles respeitarem como seu gênero funciona e quem você é, então vá em frente. Você não deve nada à ninguém. Eu por escolha própria não me sinto à vontade de namorar pessoas que não são multi, isso não precisa ser algo universal.

- Nomes. Cara, mais que um nome nunca vai ser ruim. Eu tenho vários nomes, só vou por Hariel porque nunca me dá disforia e é mais prático de botar na carteira de identidade. Não há problema nisso, sério. Se você tem os meios de avisar quando estiver usando um nome diferente, ou decidir fazer que nem eu, ou alguma outra opção que eu desconheço mas que é legal também? Totalmente tranquilo. Talvez só lembrar que algumas pessoas tem memória ruim, e levar isso em conta. Como eu, que decorei todos os meus nomes mês passado ainda que os tivesse por dois anos lol.

- Ser gênero flúido não é brincar de ser especial ou querer chamar atenção (você sabia que bebês precisam de atenção para sobreviver? não há nada de errado em querer chamar atenção, só tomar cuidado como). É algo que acontece, é algo que pessoas experimentam, é algo que eu experimento. Não é bobeira, não é piada, você merece ter sua identidade levada a sério se desejar isso. Ser gênero flúido pode ser uma experiência confusa na forma como disforia e euforia podem mudar a forma de uma hora pra outra, mas também é uma identidade que, se você achar que combina contigo, pode te trazer a sensação de ser livre pra ser você (assim como todas as outras identidades de uma forma ou outra). Você não precisa se preocupar sobre como você faz isso, apenas seguir seu ritmo e se explorar quando e se quiser. Você está indo de maneira ótima. Tranquilo! owo

- Anos atrás, eu achava que era "meio cis" porque meu gênero circula por vezes no gênero que me foi designado no nascimento. Claro que você tem liberdade de lidar com seu gênero de nascimento do jeito que quiser. Mas isso não te faz automaticamente "meio cis". Eu experimento o meu de maneira bem trans ainda, mesmo que seja tecnicamente o mesmo gênero que me colocaram. E mesmo se você não sente o seu de maneira bem trans como eu sinto, você ainda pode se identificar como transgênero ou trans se desejar. Gêneros se baseiam na sua própria percepção de gênero, então não tem muito como errar.
lu/umi/de/el/del/mi/assie/e é minha linguagem owo
Orgulho neurodivergente uwu
uwu nwn owo pewish!
Eu queria ser mais punk externamente o3o
  Responder


Postagens neste tópico
RE: Experiências & dicas que as pessoas não falam - por Hariel - 29-03-2020, 06:10 AM

Possíveis tópicos relacionados...
Tópico: Autore Respostas: Visualizações: Última mensagem
  Sugestão: Termos juvélicos para pessoas isogênero Uriel 6 3.173 13-02-2021, 09:29 PM
Última mensagem: Aster

Saltar para a área:


Usuáries vendo este tópico: 1 visitante(s)