• 0 votos - 0 média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
O meu género
#1
Boa tarde!
Eu tenho pensado muito na minha sexualidade, e eu não percebo muito deste tema então surgiu-me uma duvida.
Porque eu pensei que sempre fui atraída por homens, tanto romanticamente como sexualmente. No entanto, eu recordo-me que desde pequena (tipo 12 anos) já me imaginava com mulheres em situações mais intimas. Mas nunca liguei muito a isso, porque foram poucas as vezes. Mas atualmente com os meus 18 anos eu estou a sentir mais isso (apenas com uma pessoa em especifico e não com as mulheres em geral).
Experimentei ver porno lésbico pela primeira vez e achei estranho o facto de só sentir algo aqui dentro de mim quando a relação sexual entre as mulheres começou e não no inicio quando as mulheres estavam simplesmente a beijarem-se.
Eu sinto algo quando vejo um homem e uma mulher a beijarem-se, mas com duas mulheres não sinto nada.
Para mim, beijar no sexo é algo muito intimo. No entanto, quando me imagino com mulheres em relações sexuais, nunca me imagino a beijá-las, mas quando me imagino com homens, imagino-me a beijá-los.
No entanto - mais uma vez - com a pessoa em especifico, eu consigo me imaginar beijá-la durante o ato, mas apenas com ela, é a única mulher que eu consigo imaginar.
Estive a fazer pesquisas sobre biflux e heteroflex - eu não sabia que heteroflex existia mesmo - e pesquisei sobre outros géneros também, mas fiquei um pouco confusa sobre qual seria o meu kkkkkk
Obrigada desde já!
  Responder
#2
Seu caso é bem parecido com o meu KK. Já passei por isso quando vi porno hetero. Talvez porque eu me imagine com vagina. Atualmente nem sinto tanto atração por um gênero diferente de masculine e características corporais diferentes do corpo testiculade e testo como peitoral, barba e essas coisas, mas acontece as vezes um "ops". E isso é flexibilidade com certeza no meu caso. Quando a gente sente atração por 1 coisa só em específico mas pode haver exceções, fluidez,e/ou ocasiões, onde isso não é totalmente, sempre e exclusivamente verdade.

Você também pode ter aquilo que chamam de orientação cruzada. Quando por exemplo você é bissexual, e heterromantique. O que é quase seu caso. Por isso você sente tesão(?) em relação ao sexo, mas não ao carinho, aos beijos e carícias que você associa à amor romântico.

Você pode usar heteroflexivel, androflexivel, virflexível, ou monoflexivel etc. E têm outros termos mais objetivos como parossexual, variorientade etc

Obs: No Brasil se utiliza o termo gênero para falar sobre identidade de gênero, qualidades de gênero, expressão de gênero etc, mas principalmente sobre como você se identifica (homem, mulher, agênero, gênero fluído etc). E como esse é um blog brasileire, então acho que seria melhor você editar o título pra "minha orientação sexual"
  Responder
#3
Eu não veria problema em usar gênero/género como orientação se fosse assim em outros países também, mas, dando uma procurada, vejo que em outros lugares também se usa gênero como o que você é (homem, mulher, agênero, não-binárie...) enquanto ainda se usa orientação como um rótulo que expressa por quem você se atrai (hétero, gay, lésbica, bi..). É só um toque; entendemos o que você quis dizer, mas é meio confuso você falar como se estivesse questionando seu gênero quando você está questionando sua orientação.

Quanto à pergunta em si:

- Sim, você pode ser heteroflexível (presumindo aqui que você seja mulher por conta de como escreveu o tópico); e, mesmo sentindo pouca atração por mulheres, você ainda pode usar termos como bi e multi. Se sua atração muda de tempos em tempos, bifluxo pode ser uma alternativa, mas se continua estável, pode não ser um termo ideal.

(Gostaria de notar que o termo androflexível possui conotações problemáticas, e que o termo virflexível é exclusivo para pessoas não-binárias.)

- Você também pode, como Dani descreveu acima, ter uma orientação dividida, e ser bissexual + heterorromântica (presumindo que você usa o final de palavra a por conta de ser o que você usou na postagem). Se quiser saber mais, aqui tem uma página falando sobre orientação sexual, e aqui tem uma página falando sobre orientação romântica.

- Você também pode usar termos mais abertos, como novi e pomo, se não quiser se decidir por nada mais específico.

- E aí existem termos que são mais "meio-termo" entre termos que não definem muita coisa e termos mais específicos. Você pode se identificar como duárica ou como salietiana, por exemplo.

Agora, o que você é? Você é quem tem que olhar as informações disponíveis e decidir quais rótulos vai usar ou deixar de usar. Lembre-se de que nenhum rótulo precisa ser um comprometimento eterno, e de que você pode usar quantos rótulos quiser. ^^

  Responder
#4
4656 escreveu:Seu caso é bem parecido com o meu KK. Já passei por isso quando vi porno hetero. Talvez porque eu me imagine com vagina. Atualmente nem sinto tanto atração por um gênero diferente de masculine e características corporais diferentes do corpo testiculade e testo como peitoral, barba e essas coisas, mas acontece as vezes um "ops". E isso é flexibilidade com certeza no meu caso. Quando a gente sente atração por 1 coisa só em específico mas pode haver exceções, fluidez,e/ou ocasiões, onde isso não é totalmente, sempre e exclusivamente verdade.

Você também pode ter aquilo que chamam de orientação cruzada. Quando por exemplo você é bissexual, e heterromantique. O que é quase seu caso. Por isso você sente tesão(?) em relação ao sexo, mas não ao carinho, aos beijos e carícias que você associa à amor romântico.

Você pode usar heteroflexivel, androflexivel, virflexível, ou monoflexivel etc. E têm outros termos mais objetivos como parossexual, variorientade etc

Obs: No Brasil se utiliza o termo gênero para falar sobre identidade de gênero, qualidades de gênero, expressão de gênero etc, mas principalmente sobre como você se identifica (homem, mulher, agênero, gênero fluído etc). E como esse é um blog brasileire, então acho que seria melhor você editar o título pra "minha orientação sexual"

Antes de mais, peço desculpa pela demora a responder! Estava à espera de notificação e nunca mais recebia hvjdfjdn
Ser bissexual e heterromantique faz muito sentido e agora que falaste até penso que seja o meu caso, no entanto eu procurarei todos os termos que me disseste e tentarei perceber qual melhor encaixa em mim e no que eu sinto! Até porque as coisas podem vir mudando kkkkk
Aqui não tem problema em usar gênero apesar de também usarmos orientação sexual e por acaso foi erro meu e nem dei conta porque é mais certo usar orientação sexual de facto. Obrigada por me chamares à atenção! Vou ver como se faz para alterar o titulo hahaha
Muito Obrigada mais uma vez!
  Responder
#5
4668 escreveu:Eu não veria problema em usar gênero/género como orientação se fosse assim em outros países também, mas, dando uma procurada, vejo que em outros lugares também se usa gênero como o que você é (homem, mulher, agênero, não-binárie...) enquanto ainda se usa orientação como um rótulo que expressa por quem você se atrai (hétero, gay, lésbica, bi..). É só um toque; entendemos o que você quis dizer, mas é meio confuso você falar como se estivesse questionando seu gênero quando você está questionando sua orientação.

Quanto à pergunta em si:

- Sim, você pode ser heteroflexível (presumindo aqui que você seja mulher por conta de como escreveu o tópico); e, mesmo sentindo pouca atração por mulheres, você ainda pode usar termos como bi e multi. Se sua atração muda de tempos em tempos, bifluxo pode ser uma alternativa, mas se continua estável, pode não ser um termo ideal.

(Gostaria de notar que o termo androflexível possui conotações problemáticas, e que o termo virflexível é exclusivo para pessoas não-binárias.)

- Você também pode, como Dani descreveu acima, ter uma orientação dividida, e ser bissexual + heterorromântica (presumindo que você usa o final de palavra a por conta de ser o que você usou na postagem). Se quiser saber mais, aqui tem uma página falando sobre orientação sexual, e aqui tem uma página falando sobre orientação romântica.

- Você também pode usar termos mais abertos, como novi e pomo, se não quiser se decidir por nada mais específico.

- E aí existem termos que são mais "meio-termo" entre termos que não definem muita coisa e termos mais específicos. Você pode se identificar como duárica ou como salietiana, por exemplo.

Agora, o que você é? Você é quem tem que olhar as informações disponíveis e decidir quais rótulos vai usar ou deixar de usar. Lembre-se de que nenhum rótulo precisa ser um comprometimento eterno, e de que você pode usar quantos rótulos quiser. ^^


Muito Obrigada desde já pela resposta e a chamada à atenção sobre "genero" e "orientação sexual" vou estar mais atenta a isso a partir de agora :))
De facto, na minha opinião, pornografia lésbica é mais excitante porque como foi dito o principal é o prazer da mulher ao contrario da pornografia heterossexual, eu já pensei bastante nisso e é bom ver que alguém me diz o mesmo kkkk e pode não querer dizer que uma pessoa se sinta atraída por mulheres.
Pelas explicações que me foram dadas ser bissexual + heterromantica parece-me ser o mais certo no meu caso, e eu desde o inicio pensei nessa possibilidade - sobre só me sentir atraída romanticamente por homens - mas acho que não pesquisei o suficiente então achava que "não era" possível haver um cruzamento, mas na verdade tudo é possível kkkkk
  Responder


Possíveis tópicos relacionados...
Tópico: Autore Respostas: Visualizações: Última mensagem
  Posso ser um homem trans gênero-fluido? Yun 1 39 09-10-2019, 12:19 PM
Última mensagem: Aster
  Sou xenine ou maverique? (meu gênero) loren 4 368 26-06-2019, 01:23 PM
Última mensagem: QueerNeko
  ajuda duvida de sexualidade/genero elias 1 217 14-06-2019, 02:20 PM
Última mensagem: Aster

Saltar para a área:


Usuáries vendo este tópico: 1 visitante(s)