• 0 votos - 0 média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Tópico sobre exorsexismo
#11
2552 escreveu:Yup! Personagens como Stevonnie, Frisk e Zoë Hange com certeza seriam considerades NB até que o contrário fosse provado, se não vivêssemos em uma sociedade que não está acostumada ou confortável com representação não-binária.

Também não vejo muitos personagens transgeneros nb por aí, tipo quando eles são seres humanos e não seres mágicos , monstros , aliens ou robôs.
As gems do Steven universe que são aliens por exemplo, o bmo de hora de aventura, etc


Nb humanos eu só conheci frisk mesmo, mas tipo é canon? pq pra mim eu acho que os desenvolvedores só queriam deixar o gênero do personagem vago pros fãs fazerem headcanon. Tem vários personagens de aparência androgina ou unisex que são deixados por aí sem identidade de gênero definido, posso citar @ Leo do jogo tekken. Raramente um personagem masculino ou uma feminina são deixados sem uma identidade de gênero.

  Responder
#12
Citação: Nb humanos eu só conheci frisk mesmo, mas tipo é canon? pq pra mim eu acho que os desenvolvedores só queriam deixar o gênero do personagem vago pros fãs fazerem headcanon. Tem vários personagens de aparência androgina ou unisex que são deixados por aí sem identidade de gênero definido, posso citar @ Leo do jogo tekken. Raramente um personagem masculino ou uma feminina são deixados sem uma identidade de gênero.

Eu acredito bastante no argumento de ser canon, porque:

Agora, novamente, pense no que eu disse: se fosse socialmente aceitável(/"normal") ser uma pessoa sem gênero definido que usasse pronomes neutros, as pessoas ainda considerariam que uma pessoa ter pronomes neutros seria equivalente a ter gênero/pronomes abertos à interpretação?

Eu estou falando aqui de:

1) Ume personagem que usa they/them dentro da mídia, cujo autor não quis falar nada sobre o assunto;
2) Ume personagem que usa they/them dentro da mídia, e um dos escritores confirmou que é este o pronome certo;
3) Ume personagem sem pronomes dentro da mídia, cujo autor falou explicitamente para tentar evitar qualquer menção de gênero em relação a êlu.

Ainda que o primeiro e o terceiro caso possam ser "para as pessoas interpretarem como quiserem", qual é o sentido disso? Só pessoas não-cis veem graça em dar o gênero que quiserem a personagens criados por outras pessoas. Se isso fosse algo que desse audiência, iriam fazer isso com mais frequência.

Sobre a questão de ser representação válida ou não, acredito que este tópico entre em mais detalhes sobre isso. Meu ponto na postagem que você citou não é "isso é canon mas as pessoas invalidam", e sim "as pessoas não discutiriam se é canon ou não se exorsexismo/cissexismo não existisse".
  Responder
#13
Tá, a gente pode ter personagens androginos, unissex, genderoqueer, gênero não conformativo, etc...
Mas tudo isto é só expressão, não torna ninguém não-binarie ou homem ou mulher.
  Responder
#14
Citação: Mas tudo isto é só expressão, não torna ninguém não-binarie ou homem ou mulher.

Teoricamente, você poderia falar isso da maior parte des personagens existentes, porque raramente é confirmado o gênero de alguém, e mesmo quando alguém diz "sou um homem" ou "ela é uma mulher", é possível argumentar que "estão só simplificando o gênero, pode ser um homem agênero/uma demimulher/etc.".

Porém, realisticamente falando, a grande maioria des personagens são designades para serem homens ou mulheres, sem sombra de dúvida; porque a maioria das pessoas não pensa que ter um corpo X ou usar roupa Y ou ter pronome Z não significa ser um homem ou uma mulher.

Dentro deste contexto, personagens que utilizam pronomes diferentes de ele ou de ela (e devo apontar aqui que é bem mais comum ter pessoas não-binárias usando estes pronomes do que pessoas binárias utilizando pronomes diferentes de ele ou de ela, mesmo sendo GNC), e que não são confirmades como homens ou como mulheres nem dentro da mídia e nem peles autories, não deveriam ser "logicamente" tomades como não-bináries?

Idealmente, teríamos representações de todos os gêneros e em todos os estilos, é claro. Mas não temos. O que temos são uma quantidade enorme de personagens que, por mais que façamos teorias e headcanons, vão ser tomados como "claramente" homens ou mulheres de alguma forma, e algumes pouques personagens que utilizam pronomes associados a pessoas não-binárias e cujes autories se recusam a falar qualquer coisa sobre seu gênero, mas que ainda assim não vão ser tratades como "claramente não-bináries", e sim como "personagens de gêneros abertos à discussão". E é aí que entra o exorsexismo.
  Responder
#15
Tá. ..Então em suma, não existe representatividade não-binarie se fulane não falar que é um de nós.

*suspiros*

Oprimir headcanon da id de gênero de personagens fictícios é sexismo. Tá , tipo eu acabei de me lembrar da discussão que aconteceu alguns meses atrás sobre não respeitar o gênero de animais, mas eu realmente não quero tocar no assunto.
  Responder
#16
Citação:Oprimir headcanon da id de gênero de personagens fictícios é sexismo.

Novamente, não me refiro a headcanons. Me refiro a personagens que possuem evidência tão forte de serem não-bináries quanto outres personagens possuem evidências de serem bináries.

Eu estou falando de algo sistemático aqui, e não da ação individual de pessoas que, por causa do exorsexismo presente na sociedade em geral, ignoram sinais de que certes personagens são não-bináries.

Também gostaria de falar sobre a diferença entre headcanon e teoria: uma teoria precisa ter alguma base, enquanto headcanon não.

Frisk especificamente pode ser tomade como teoria, é e personagem mais questionável da lista;

Hange também pode ser tomade como teoria, mas, novamente, caso não vivêssemos numa sociedade exorsexista, ume personagem que não tem um gênero confirmado, e que tem seu autor dizendo que "não é pra revelar gênero, ou ao menos é pra usar ele e ela com frequência igual", seria tomade como uma pessoa binária?

Stevonnie é uma literal fusão de um menino com uma menina, argumentar que Stevonnie ser não-binárie (não no sentido de identidade específica, e sim no sentido de não ser 100% homem ou 100% mulher) é um simples caso de headcanon é completamente absurdo.
  Responder
#17
São só teorias, não são canônicos, mesmo que de pra tentar justificar , isto tb vale pra personagens que pareçam homens ou mulheres.
  Responder
#18
você está provando o ponto déli tbh

personagens que usam só ele ou ela = tomades como bináries sem questionamento, o resto é teoria/headcanon
personagens que usam pronomes neutros = 'abertes a interpretação'
  Responder
#19
E tb mesmo que tal personagem seja considerado homem ou mulher, ainda há os headcanons dele ser transgenero e não cisgenero.
  Responder


Possíveis tópicos relacionados...
Tópico: Autore Respostas: Visualizações: Última mensagem
  Desabafo sobre queerbaiting em relação a personagens não-bináries Aster 4 1.633 15-10-2020, 05:49 PM
Última mensagem: cinza
  abaixo assinado sobre a decisão do governo de portugal mimi 1 1.058 21-05-2018, 06:53 PM
Última mensagem: Aster
  Sobre aquela citação da Simone de Beauvoir [cissexismo, transmisoginia] altedude 7 2.793 12-02-2018, 01:04 PM
Última mensagem: karymaAssemany

Saltar para a área:


Usuáries vendo este tópico: 1 visitante(s)